Macaco-barrigudo

Macaco-barrigudoO Macaco-barrigudo é um primata mais comum em cativeiro e os que estão em estado selvagem são muito poucos conhecidos. Podemos encontrar exemplares do Macaco-barrigudo nas Zonas de Colômbia, Peru, Equador e Brasil.

Estes macacos são os parentes mais próximos do Macaco-aranha ou Ateles. Mais concretamente dos “Brachyteles arachnoides”. O Macaco-barrigudo é de tamanho médio, cabeça e corpo de 40 a 55 cm e cauda de 55 a 70 cm. Os exemplares maiores pesam cerca de 10 kg. A sua pel é curta e muito densa. Os membros são compridos e a sua cabeça é bastante arredondada.

Tal como acontece com os outros macacos que encontramos no sul da América, as fossas nasais do Macaco-barrigudo estão significativamente afastadas. A cauda preênsil está sem pêlo na parte inferior da sua extremidade e a pele neste local apresenta rugas.

O Macaco-barrigudo vive na floresta Equatorial da lagoa superior da Amazónia. A espécie mais comum, o Macaco-barriguido de Humboldt apresenta uma pelagem de cor variável dependendo das regiões, indo do cinzento para o castanho claro e inclusive o preto. A cabeça é preta em algumas ocasiões e o corpo mais claro. A cara, pouco peluda, é de um tom uniforme e geralmente escuro.

A outra espécie, o Macaco-barrigudo de Hendee, é muito rara. Apenas se conhece poucos exemplares. É um primata confinado num território muito limitado na costa oriental de Andes, na região do alto Marañón. A sua pelagem é de cor de madeira escura e na extremidade da cauda encontramos uma crista amarela e uma manga bege sobre o nariz. Os Macaco-barrigudos de Hendee são os menos conhecidos de todos os macacos Sul-americanos.



Artigo imprimido a partir da página web http://www.mundoentrepatas.com

O URL deste artigo é http://mamiferos.mundoentrepatas.com/macaco-barrigudo.htm