Os esquilos
    Animais     Mamíferos     Esquilos     Os esquilos
 
   Cães
   Cães
   Raças de cães
   Cuidados e alimentação

   Gatos
   Os gatos
   Raças de gatos

   Cavalos
   Os cavalos
   Raças de cavalos

   Mamíferos
   Coelhos
   Elefantes
   Esquilos
   Os esquilos
   Características dos esquilos
   Domesticação de esquilos
   Esquilos Coreanos
   Esquilos voadores
   Hamsters
   Lobos
   Macacos
   Morcegos
   Ursos

   Mamíferos marinhos
   Baleias
   Focas
   Golfinhos
   Orcas

   Felinos
   Leões
   Leopardos
   Linces
   Tigres

   Répteis
   Crocodilos
   Iguanas
   Serpentes
   Tartarugas

   Mundo marinho
   Peixes
   Tubarões

   Aves
   Águias
   Pássaros
   Pinguins

   Insectos
   Borboletas
   Formigas

   Animais
   Animais famosos
   Cuidados de animais
   Curiosidades sobre animais

   Imagens
   Desenhos
   Fotos
   Fundos de Ecrã
   Imagens graciosas
   Gifs animados


Os esquilos
77

Pertencem à ordem Rodentia, da família dos esciúridos. O seu corpo mede entre 19 e 24 centímetros e a cauda de 15 a 20. Trata-se de uma espécie não ameaçada.

O esquilo é uma espécie antiga. Foram encontrados restos fosseis entre os 20 e os 30 milhões de anos de idade. Hoje em dia, os esquilos habitam nos cinco continentes. Em Espanha podemos encontrar exemplares de duas espécies, o esquilo vermelho e o mouro. O esquilo vermelho é um animal muito sociável e simpático. É habitual ver em parques e jardins. Gosta muito da presença humana e pode aceitar alimentos das pessoas.

Quando vive nas florestas e não está acostumado às pessoas, foge ao menor ruído ou movimento. Uma vez a salvo, a sua curiosidade fará com que veja o que causou a sua fuga. Os esquilos são animais geralmente rápidos e ágeis. Isto é devidos às unhas que têm nos dedos, que permitem trepar as árvores rapidamente. Ao descer de uma árvore, sempre o fazem de cabeça para baixo. A mobilidade que tem nas suas patas da frente lhe permite segurar e descascar os alimentos com grande facilidade.

Os esquilos Os esquilos

O ninho que estes animais constroem é de muita importância. Geralmente têm mais do que um no seu território que tem por norma de 200 a 300 metros. Os machos delimitam estes territórios através de urina de outro tipo de marcas. O ninho principal é usado pela fêmea para dar à luz as suas crias e o resto para descansar, como esconderijo ou para armazenar alimentos. A água é um factor que condiciona a sua existência como espécie, pelo que necessita de viver perto de lugares com a presença contínua de água para que nunca tenham falta dela.

O esquilo é um animal activo durante todo o ano, pelo que não hiberna. Quando chegam os dias mais frios ou mais quente, ele diminui a sua actividade, escondendo-se nos seus ninhos. As primeiras horas da manhã e da tarde são as horas de mais actividade deste animal.

Imprimir artigo Enviar artigo
Tags:   esquilos, mamíferos, roedores
Contacto MundoEntrePatas.com. O teu portal sobre os animais: cães, gatos, esquilos, coelhos, hamsters...
Condições de uso